Remissivas e referências – Informações gerais

Definição e escopo

As remissivas cruzadas levam de um cabeçalho não autorizado para um cabeçalho autorizado (remissiva “ver”) ou de um cabeçalho autorizado a outro (remissiva “ver também”). As remissivas cruzadas reais geralmente não são carregadas explicitamente nos registros de autoridade. Em vez disso, a forma variante e os cabeçalhos relacionados são carregados nos registros de autoridade nos campos de remissivas ou de nota de referência. Exibições de remissivas cruzadas podem ser geradas combinando o conteúdo de uma remissiva ou um campo de nota de referência e o campo de cabeçalho 1XX de um registro.


Campos de remissiva

Os campos de remissivas conduzem diretamente de um cabeçalho para um único outro cabeçalho. Um campo 4XX (Campos de remissivas “ver”) leva de um campo não autorizado a para um campo autorizado. Um 5XX campos de remissivas “ver também” dá pistas de campo de um cabeçalho autorizado para um outro cabeçalho autorizado. Os campos 4XX e 5XX são usados ​​apenas em registros de cabeçalho estabelecidos e registros de subdivisão.

As exibições de remissivas cruzadas geradas a partir dos campos de remissivas são chamadas de remissivas cruzadas simples. Em uma exibição de remissiva cruzada simples, o conteúdo do campo 4XX ou 5XX é o cabeçalho de, e, seguindo uma frase de instrução de referência, o conteúdo do campo 1XX é o cabeçalho para. Nos campos de remissivas, a frase de instrução de referência pode ser implicitamente associada com a etiqueta de campo ou um código no subcampo $w/ 0 (relacionamento especial). Em alguns casos, a frase de instrução de referência pode ser transportada explicitamente no subcampo $i (Informação de relacionamento) ou associada a uma designação de relacionamento expressa no subcampo $i ou, na forma codificada no subcampo $4.

008/09 a
[registro de cabeçalho estabelecido]
100 1 # $a De Angelini, Anna
400 1 # $a Angelini, Anna de
[A frase de instrução de referência está associada à tag de campo 400.] 

Exemplo de exibição de remissiva cruzada:
Angelini, Anna de
Pesquisar em: 
De Angelini, Anna
008/09 d
[registro de subdivisão]
180 ## $x Acronyms
580 ## $x Abbreviations
[A frase de instrução de referência está associada à tag do campo 580.] 

Exemplo de exibição de referência cruzada:
Abbreviations
Pesquise também em: 
Acronyms 

Campos de nota de referência

Os campos de nota de referência conduzem de um cabeçalho para um ou mais outros cabeçalhos. Um campo de nota de referência é usado quando uma instrução de referência mais complexa é necessária do que pode ser transmitida por uma ou mais remissivas cruzadas simples geradas a partir dos campos 4XX e/ou 5XX. Exibições de remissivas cruzadas geradas a partir dos campos de nota de referência são remissivas cruzadas complexas. Em uma exibição de uma remissiva cruzada, o conteúdo do campo 1XX de um registro é o cabeçalho de e, seguindo uma frase de instrução de referência, o campo de nota de referência contém o (s) cabeçalho (s) para. Nos campos 260 e 360, a instrução de referência completa pode ser uma combinação de uma frase implicitamente associada à etiqueta de campo e texto explícito no subcampo $i (Texto explicativo). Nos campos 663, 664, 665 e 666, o texto da instrução de referência está contido no subcampo $a (Texto explicativo).

008/09 f
[registro de cabeçalho estabelecido e subdivisão]
150 ## $a Management
360 ## $i subject subdivision $a Management $i under types of industries 
[A frase de instrução de referência está associada a tag do campo 360 e também é explícita em 360 $i.]

Exemplo de exibição de referência cruzada:
Management
Pesquise também: 
subject subdivision Management under types of industries
008/09 a
[registro do cabeçalho estabelecido]
100 1# $a Arlen, Harold, $d 1905-1986. $t Bloomer girl
664 ##$a For collections beginning with this title search under $b Arlen, Harold, 1905-1986 $t Musical comedies. Selections 
[A frase de instrução de remissiva está explícita no campo 664 $a.] 

Exemplo de exibição de remissiva cruzada:
Arlen, Harold, 1905-1986. Bloomer girl
Para coleções que começam com este cabeçalho, pesquise em: 
Arlen, Harold, 1905-1986. Musical comedies. Selections 

Existem dois tipos de campos de notas de remissivas:

1) aqueles usados ​​em registros para cabeçalhos estabelecidos;

2) aqueles usados ​​em registros de remissivas. Os campos usados ​​para notas de remissivas ver também (campos 360, 663 e 665) são usados ​​para conduzir de um cabeçalho estabelecido a outros cabeçalhos estabelecidos. Os campos usados ​​para notas de remissivas ver (campo 260, 664 e 666) são usados ​​em registros de remissivas para conduzir de um cabeçalho não estabelecido para cabeçalhos estabelecidos. 

A prática de catalogação atual não incentiva o uso de um campo de nota de remissivas se as remissivas cruzadas geradas a partir de remissivas em um ou mais campos 4XX e/ou 5XX fornecerão orientação satisfatória ao usuário. Por exemplo, em vez de carregar um campo de remissiva de histórico 665 em cada um dos registros de cabeçalho estabelecidos envolvidos nas alterações de nome de entidade corporativa, cada nome é uma remissiva em um campo 4XX ou 5XX. O relacionamento de nome anterior ou posterior entre cada campo 4XX ou 5XX e o campo 1XX é indicado por um código no subcampo $w/0 (Relacionamento especial).


Orientações para aplicação dos designadores de conteúdo

Diretrizes para aplicar o subcampo $i (frase de instrução de remissiva) e o subcampo $w (Subcampo de controle) nos campos 4XX e 5XX, bem como exemplos de exibições de remissivas cruzada são fornecidas nesta seção. As diretrizes para a aplicação dos outros designadores de conteúdo definidos para os campos 4XX e 5XX são fornecidas na seção Informações Gerais para cada tipo de cabeçalho (X00 – Nomes pessoais; X10 – Nomes de entidades coletivas; X11 – Nomes de eventos; X30 – Títulos uniformes; X47 – Nomes de acontecimentos; X48 – Termos cronológicos; X50 – Termos tópicos; X51 – Nomes geográficos; X55 – Termos de gênero/forma; X62 – Termos de meio de execução; X80 – Subdivisões gerais; X81 – Subdivisões geográficas; X82 – Subdivisões cronológicas; X85 – Subdivisões de forma). 

Exemplos de remissivas cruzadas complexas que podem ser geradas a partir do campo 260, 360, 663, 664, 665 e 666 também são fornecidas nesta seção. As diretrizes para a aplicação dos designadores de conteúdo para esses campos não são fornecidas aqui, mas podem ser encontradas nas seções separadas para cada campo.


Campos de remissivas – Remissivas cruzadas simples

Remissivas cruzadas simples são geradas para exibição nos campos de remissivas. A seguinte descrição relacionada aos campos de remissivas é organizada pela fonte da frase de instrução de referência usada na remissiva cruzada: tag relacionada, subcampo $i e subcampo $w. As posições dos caracteres definidas para o subcampo $w também são descritas aqui.

Frase de instrução de remissiva relacionada à etiqueta 

A frase de instrução de remissiva, como ‘ver’: ou “pesquisar em:” pode ser implicitamente associada a uma etiqueta de campo 4XX e pode ser usada para gerar uma exibição de uma remissiva cruzada. A frase de instrução da remissiva, como “ver também:” ou “pesquisar também em:” pode estar implicitamente associada a um campo 5XX e pode ser usada para gerar uma exibição de uma remissiva cruzada.

008/09 a
[Registro do cabeçalho estabelecido]
100 1# $a Arief, Barda Nawawi, $d 1943-
400 0# $a Barda Nawawi Arief, $d 1943- 

Exemplo de exibição de remissiva cruzada:
Barda Nawawi Arief, 1943-
Pesquisar em: 
Arief, Barda Nawawi, 1943-
008/09 d
[Subdivisão]
185 ## $x Microform catalogs
585 ## $v Bibliography $v Microform catalogs 

Exemplo de exibição de remissiva cruzada:
Bibliography-Microform catalogs
Pesquisar também em: 
Microform catalogs 

$i – Informação de relacionamento

O subcampo pode conter uma designação de um relacionamento da entidade em um campo 4XX ou 5XX com a entidade 1XX no registro ou pode conter uma frase de instrução de referência textual que deve ser usado para uma exibição do usuário indicando o relacionamento da entidade 1XX no registro com a entidade em um campo 4XX ou 5XX. Se o subcampo contém uma designação de Relacionamento, a frase de instrução da remissiva apropriada pode ser derivada dele. O relacionamento pode ser nome com nome (se apenas nomes de pessoas, famílias ou entidades coletivas estiverem envolvidos) ou recurso para recurso (se nome/cargos ou cabeçalho estiverem envolvidos).

Designação de relacionamento: quando um campo de remissiva contém uma designação de relacionamento no subcampo $i, o subcampo de controle $w/0 contém o código r (designação de relacionamento no subcampo $i ou $4). O código r indica que a geração de uma frase de instrução de referência relacionada à tag em uma exibição da remissiva cruzada deve ser suprimida. O conteúdo do subcampo $i ou $4 deve ser usado para gerar a frase de instrução da referência que é usada em uma exibição da remissiva cruzada.

100 1# $a Clemens, Samuel, $d 1835-1910
500 ## $w r $i alternate identity $a Twain, Mark, $d 1835-1910 

Exemplo de exibição do usuário:  
Twain, Mark, 1835-1910    
Veja também sua identidade real: 
Clemens, Samuel, 1835-1910 

Exibição do exemplo anterior:  
100 1# $a Twain, Mark, $d 1835-1910  
500 ## $w r $i real identity $a Clemens, Samuel, $d 1835-1910 

Exemplo de exibição do usuário:  
Clemens, Samuel, 1835-1910    
Veja também sua identidade alternativa: 
Twain, Mark, 1835-1910  

Frase de instrução da remissiva: Quando um campo de relacionamento contém uma frase de instrução de remissiva no subcampo $i, o subcampo de controle $w/0 contém o código i (Frase de instrução de remissiva no subcampo $i). O código i indica que a geração de uma frase de instrução de referência relacionada à tag em uma exibição de remissiva cruzada deve ser suprimida. O conteúdo do subcampo $i é a frase de instrução de remissiva que é usada em uma exibição de remissiva cruzada.

100 1# $a Clemens, Samuel, $d 1835-1910
500 1# $w i $i See also his real identity $a Twain, Mark, $d 1835-1910 

Exemplo de exibição do usuário:
Twain, Mark, 1835-1910
Veja também sua identidade real:
Clemens, Samuel, 1835-1910 

Exibição do exemplo anterior:
100 1# $a Twain, Mark, $d 1835-1910
500 1#$w i $i See also his alternate identity $a Clemens, Samuel, $d 1835-1910 

Exemplo de exibição do usuário:
Clemens, Samuel, 1835-1910
Veja também sua identidade alternativa:
Twain, Mark, 1835-1910
008/09 a
[Registro do cabeçalho estabelecido]
151 ## $a Sri Lanka
451 ## $w ib $i For subject entries search under $a Ceylon
551 ## $w aa $a Ceylon
[Duas remissivas cruzadas são necessárias devido às diferentes estruturas de remissivas de assunto e nome.]
 
Exemplo de exibição do usuário do campo 451:
Ceylon
Para entradas de assunto, pesquise em:
Sri Lanka

Exemplo de exibição do usuário do campo 551:
Ceylon
Pesquise também no cabeçalho posterior:
Sri Lanka 

$4 – Relacionamento

Código ou URI que especifica o relacionamento da entidade descrita no registro com a entidade referenciada no campo. Consulte o subcampo $i para obter mais informações sobre designadores de relacionamento.


$w – Subcampo de controle

Até quatro posições de caracteres (designadas como $w/0, etc.) que indicam se as instruções especiais se aplicam à exibição do cabeçalho no campo 4XX ou 5XX e se um relacionamento é específico à estrutura da remissiva de um tipo específico de autoridade. O subcampo $w não precisa ser usado se nenhuma das características for aplicável. Como as definições dos códigos no subcampo $w dependem da posição do caractere em que ocorrem, a codificação de qualquer posição do caractere exige que cada posição do caractere precedente contenha um código ou um caractere de preenchimento (|); posições de caractere sucessivas não precisam ser usadas. Por exemplo, se $w/0 e $w/1 não forem aplicáveis, mas $w/2 for aplicável, então $w/0 e $w/1 conterão cada um o código n (Não aplicável) ou um caractere de preenchimento (|).


/0 – Relacionamento especial 

Código alfabético de um caractere que descreve um relacionamento de uma entidade em um campo 4XX ou 5XX para aquele no campo 1XX que é mais específico do que o relacionamento implícito na etiqueta. Os códigos podem ser usados ​​para gerar uma frase de instrução de remissiva especial em uma exibição de remissiva cruzada.

 a - Cabeçalho anterior
 b - Cabeçalho posterior
 d - Acrônimo
 f - Composição musical
 g - Termo geral
 h - Termo específico
 i - Frase de instrução de referência no subcampo $i
 n - Não aplicável
 r - Designação de relacionamento em $i ou $4
 t - Empresa matriz 

a – Cabeçalho anterior

O cabeçalho estabelecido no campo da remissiva é um nome anterior para o cabeçalho no campo 1XX. O código pode ser usado para gerar uma frase de instrução de remissiva especial, como pesquisa também sob o cabeçalho posterior: em uma exibição de remissiva cruzada.

110 1# $a Missouri. $b State Highway Patrol. $b Criminal Records Section
510 1# $w b $a Missouri. $b State Highway Patrol. $b Criminal Records Division

Exemplo de exibição de remissiva cruzada:
Missouri. State Highway Patrol. Criminal Records Section
Pesquise também pelo cabeçalho posterior:
Missouri. State Highway Patrol. Criminal Records Division 
b – Cabeçalho posterior

O cabeçalho no campo a remissiva é um nome posterior para o cabeçalho no campo 1XX. O código pode ser usado para gerar uma frase de instrução da remissiva especial, como pesquisa também sob o cabeçalho anterior: em uma exibição de remissiva cruzada.

110 1# $a Missouri. $b State Highway Patrol. $b Criminal Records Section
510 1# $w b $a Missouri. $b State Highway Patrol. $b Criminal Records Division

 Exemplo de exibição de remissiva cruzada:
 Missouri. State Highway Patrol. Criminal Records Division
 Pesquise também pelo o cabeçalho anterior:
 Missouri. State Highway Patrol. Criminal Records Section 
d – Acrônimo

O cabeçalho no campo da remissiva é um acrônimo para o cabeçalho do campo 1XX. O código pode ser usado para gerar uma frase de instrução de remissiva especial, como pesquisa sob a forma completa do cabeçalho: em uma exibição de remissiva cruzada.

110 2# $a Associação Brasileira para o Desenvolvimento das Industrias de Base
410 2# $w d $a Abdib

Exemplo de exibição de remissiva cruzada:
Abdib
Pesquise na forma completa do cabeçalho:
Associação Brasileira para o Desenvolvimento das Industrias de Base 
f – Composição musical

O cabeçalho no campo 4XX ou 5XX é para uma obra literária na qual a composição musical do cabeçalho no campo 1XX se baseia. O código pode ser usado para gerar uma frase de instrução de remissiva especial, como para uma composição musical baseada neste trabalho, pesquise também em: em uma exibição de remissiva cruzada.

100 1# $a Debussy, Claude, $d 1862-1918. $t Chute de la maison Usher
500 1# $w f $a Poe, Edgar Allan, $d 1809-1849. $t Fall of the house of Usher
 
Exemplo de exibição de remissiva cruzada:
Poe, Edgar Allan, 1809-1849. Fall of the house of Usher
Para uma composição musical baseada nesta obra, pesquise também em:
Debussy, Claude, 1862-1918. Chute de la maison Usher 
g – Termo geral

O cabeçalho no campo 4XX ou 5XX é um termo mais amplo do que o cabeçalho no campo 1XX. O código pode ser usado para gerar uma frase de instrução de remissiva especial, como pesquisar também sob o termo mais específico: em uma exibição de remissiva cruzada.

150 ## $a Toes
550 ## $w g $a Foot

Exemplo de exibição de remissiva cruzada:
Foot
Pesquise também sob o termo mais específico: 
Toes
h – Termo específico

O cabeçalho no campo 4XX ou 5XX é um termo mais específico do que o cabeçalho no campo 1XX. O código pode ser usado para gerar uma frase de instrução de remissiva especial, como pesquisa também sob o termo mais amplo: em uma exibição de remissiva cruzada.

150 ## $a Foot
550 ## $w h $a Toes

Exemplo de exibição de remissiva cruzada:
Toes
Pesquise também com o termo mais amplo: 
Foot 
i – Frase de instrução de referência no subcampo $i

Usado em conjunto com o subcampo $i (informação de relacionamento). As diretrizes para a aplicação do código i são fornecidas na descrição do subcampo $i.

n – Não aplicável

A relação entre o cabeçalho no campo 4XX ou 5XX e o cabeçalho no campo 1XX não é uma das relações especiais para as quais outros códigos são definidos no subcampo $w/0. Uma frase de instrução de referência relacionada à etiqueta, como pesquisar em: ou pesquisar também em:, pode ser usada em uma exibição de remissiva cruzada do cabeçalho relacionado. Se o código n for aplicável, o subcampo $w/0 não precisa ser codificado, a menos que uma posição de caractere subsequente seja necessária.

180 ## $x Aesthetics
480 ## $x Views on aesthetics

Exemplo de exibição de remissiva cruzada:
Views on aesthetics
Pesquisar em: 
Aesthetics
r – Designação de relacionamento em $i ou $4

Usado em conjunto com o subcampo $i (informações de relacionamento) ou o subcampo $4 (código de relacionamento). As diretrizes para a aplicação do código r são fornecidas na descrição do subcampo $i.

110 2# $a I.M. Pei & Partners
500 1# $w r $i founder $a Pei, I. M. $d 1917-
510 1# $w b $a Pei Cobb Freed & Partners

Exemplo de exibição do usuário:
I.M. Pei, 1917-
Veja também organização fundada: 
I.M. Pei & Partners
 
Pei Cobb Freed & Partners
Veja também o nome anterior: 
I.M. Pei & Partners

100 1# $a Pei, I. M.$d1917-
510 2# $w r $i founder of $a I.M. Pei & Partners.
 
Exemplo de exibição do usuário:
I.M. Pei & Partners
Ver também o fundador:
I. M. Pei, 1917-

100 1# $a Stoppard, Tom. $t Rosencrantz and Guildenstern are dead
500 1# $w r $i based on (work) $a Shakespeare, William, $d 1564-1616 $t Hamlet

Exemplo de exibição do usuário:
Shakespeare, William, 1564-1616. Hamlet
Obra derivada: 
Stoppard, Tom. Rosencrantz and Guildenstern are dead 
t – Empresa matriz

O cabeçalho no campo 5XX é o nome de empresa filiada de uma entidade no campo 1XX. O Código t é aplicável apenas a entidades coletivas. Pode ser usado para material de arquivo em que seja necessário identificar totalmente a estrutura hierárquica de uma entidade coletiva.

 110 2# $a Loblaw Companies Limited
 510 2# $w t $a George Weston Limited

Exemplo de exibição de remissiva cruzada:
Loblaw Companies Limited 
Pesquisar também sobre a empresa matriz:
George Weston Limited

/1 – Restrição de uso de remissiva

Código alfabético de um caractere que especifica a estrutura da remissiva de autoridade na qual o uso de um campo 4XX ou 5XX para gerar uma remissiva cruzada apropriada. Quando o uso da estrutura de remissiva difere do uso do cabeçalho no campo 1XX, um código de restrição de uso da remissiva no subcampo $w/1 permite a supressão ou geração da remissiva cruzada conforme necessário para o tipo de estrutura de remissiva.

 a - Apenas estrutura da remissiva de nome
 b - Apenas estrutura da remissiva do assunto
 c - Apenas estrutura da remissiva da série
 d - Estruturas da remissiva de nomes e assuntos
 e - Estruturas da remissiva de nomes e séries
 f - Estruturas da remissiva de assuntos e séries
 g - Estruturas da remissiva de nome, assunto e série
 h - Sem estruturas de referência
 n - Não aplicável 

O código h (sem estruturas de remissiva) indica que a referência não é válida em nenhuma estrutura de referência. O código n (Não aplicável) indica que o uso da estrutura de autoridade é o mesmo que o uso do registro bibliográfico codificado em 008/14-16 para o cabeçalho no campo 1XX. Se o código n for aplicável, o subcampo $w/1 não precisa ser codificado, a menos que uma posição de caractere subsequente seja necessária.


/2 – Forma anterior de cabeçalho

Código alfabético de um caractere que indica se o cabeçalho no campo 4XX é uma forma anterior em que o nome ou assunto foi estabelecido no arquivo da autoridade nacional relevante ou em um arquivo da autoridade diferente do arquivo da autoridade nacional.

 a - Forma de cabeçalho Pré-AACR 2 (arquivo de autoridade de nome nacional)
 e - Forma de cabeçalho estabelecida anteriormente (arquivo da autoridade nacional)
 o - Forma de cabeçalho estabelecida anteriormente (outro arquivo de autoridade)
 n - Não aplicável 

Precedência de códigos – Quando mais de um código se aplica ao cabeçalho em um campo 4XX, a tabela a seguir é usada para determinar o status de precedência de cada código. É dada preferência a códigos mais altos nas listas. A coluna Nomes cobre registros para nomes formulados de acordo com regras descritivas de catalogação. A coluna Assuntos cobre os registros de assuntos formulados de acordo com as convenções do sistema de cabeçalhos de assuntos/tesauros.

 Nomes
 n - Não aplicável
 a - Forma de cabeçalho Pré-AACR2 (arquivo de autoridade de nome nacional)
 e - Forma de cabeçalho estabelecida anteriormente (arquivo da autoridade nacional)
 o - Forma de cabeçalho estabelecida anteriormente (outro arquivo de autoridade) 
 Assuntos
 n - Não aplicável
 e - Forma de cabeçalho estabelecida anteriormente (arquivo da autoridade nacional)
 o - Forma de cabeçalho estabelecida anteriormente (outro arquivo de autoridade)
a – Forma de cabeçalho Pré-AACR2 (arquivo de autoridade de nome nacional)

O cabeçalho no campo 4XX é um formulário pré-AACR2 (do cabeçalho no campo 1XX) que era o cabeçalho autorizado no arquivo de autoridade de nome nacional no momento da mudança para as regras AACR2.

 100 1#$aCallaghan, Bede,$cSir,$d1912-
 400 1#$wnna$aCallaghan, Bede Bertrand,$cSir,$d1912-
 
Exemplo de exibição de remissiva cruzada:
Callaghan, Bede Bertrand, Sir, 1912-
Pesquisar sob a forma do cabeçalho posterior:
Callaghan, Bede, Sir, 1912- 
e – Forma de cabeçalho estabelecida anteriormente (arquivo da autoridade nacional)

O cabeçalho no campo 4XX é uma forma do cabeçalho no campo 1XX que foi anteriormente estabelecido no arquivo da autoridade nacional relevante em uma situação diferente da especificada pelo código a. 

Por exemplo, o código ‘e’ é usado quando o cabeçalho no campo 4XX é um cabeçalho previamente autorizado do arquivo da autoridade nacional agora substituído por uma forma posterior do cabeçalho no campo 1XX. Também é usado quando a remissiva é uma forma pré-AACR2 de um nome, nome-título ou título uniforme que foi estabelecido anteriormente no arquivo da autoridade nacional, mas não era o cabeçalho estabelecido no momento da mudança para as regras do AACR2.

 150 ## $a Margarine
 450 ## $w nne $a Oleomargarine
 151 ## $a Boston (England)
 451 ## $w nne $a Boston (Lincolnshire) 
o – Forma de cabeçalho estabelecida anteriormente (outro arquivo de autoridade)

Cabeçalho no campo de remissiva que é uma forma anterior do cabeçalho 1XX que foi anteriormente estabelecido em um arquivo de autoridade diferente do arquivo de autoridade nacional relevante.

n – Não aplicável

A remissiva não contém uma forma estabelecida anteriormente do cabeçalho 1XX. 

Se o código n for aplicável, o subcampo $w/2 não precisa ser codificado, a menos que uma posição de caractere subsequente seja necessária.


/3 – Exibição de remissiva

Código alfabético de um caractere que permite a geração ou supressão de uma remissiva cruzada de um campo 4XX ou 5XX.

 a - Remissiva não exibida
 b - Remissiva não exibida, campo 664 usado
 c - Remissiva não exibida, campo 663 usado
 d - Remissiva não exibida, campo 665 usado
 n - Não aplicável 
a – Remissiva não exibida

A geração de uma exibição de remissiva cruzada de um campo de remissiva deve ser suprimida. O código ‘a’ é usado quando o motivo da supressão não é coberto pelos códigos b, c ou d.

 110 2# $a Entomological Society of Karachi
 510 2# $w anna $a Karachi Entomological Society
 [Remissiva cruzada suprimida porque o cabeçalho não foi usado.] 
b – Remissiva não exibida, campo 664 usado
A geração de uma exibição de remissiva cruzada de um campo 4XX deve ser suprimida devido à existência de um registro de referência separado contendo um campo 664

Veja a descrição do campo 664 para exemplos do subcampo $w/3 contendo o código b nos campos 4XX em registros de cabeçalhos estabelecidos. Consulte a descrição de Campos de remissivas de remissivas cruzadas complexas nesta seção para exemplos de exibições de remissivas cruzadas geradas a partir do campo 664.

c – Remissiva não exibida, campo 663 usado

A geração de uma exibição de remissiva cruzada de um campo 5XX deve ser suprimida devido à presença do campo 663 no mesmo registro. 

Veja a descrição do campo 663 para exemplos do subcampo $w/3 contendo o código c nos campos 5XX em registros de cabeçalhos estabelecidos. Consulte a descrição de Campos de remissivas de remissivas cruzadas complexas nesta seção para exemplos de exibições de remissivas cruzadas geradas a partir do campo 663.

d – Remissiva não exibida, campo 665 usado

A geração de uma exibição de remissiva cruzada de um campo 4XX ou 5XX deve ser suprimida por causa de um campo 665 (Referência de histórico) no mesmo registro.

Veja a descrição do campo 665 para exemplos do subcampo $w/3 contendo o código d nos campos 4XX e 5XX em registros de cabeçalhos estabelecidos. Consulte a descrição em Campos de remissivas de remissivas cruzadas complexas nesta seção para exemplos de exibições de remissivas cruzadas geradas a partir do campo 665.

n – Não aplicável

Nenhuma restrição de exibição de remissivas no campo 4XX ou 5XX. Se o código n for aplicável, o subcampo $w/3 não precisa ser codificado.


Campos de remissivas – Remissivas cruzadas complexas 

Remissivas cruzadas complexas são transportadas diretamente em registros como campos de nota de referência. A seguinte descrição é organizada pela fonte da frase de instrução de referência: tag related (com o subcampo $ i) e o subcampo $a.


Frase de instrução de remissiva relacionada à etiqueta com subcampo $i 

O campo 260 pode ser usado para gerar uma exibição de uma remissiva cruzada com uma frase de instrução para remissiva tais como ver: ou procurar em: . O campo 360 pode ser usado para gerar uma remissiva cruzada com uma frase de instrução de remissiva tais como ver também: ou procurar também em: . O texto no subcampo $i (Texto explicativo) aumenta a frase de instrução relacionada à tag.

260 - Remissiva "ver" complexa - Assunto:

008/09 b
[registro de remissiva não cruzada]
150 ## $a Catalogue . . .
260 ## $i subject headings beginning with the word $a Catalog
 
Exemplo de exibição de remissiva cruzada:
Catalogue . . .
Pesquisar em: 
cabeçalhos de assuntos começando com a palavra Catalog
260 - Remissiva "ver" complexa - Assunto:

008/09 g
[registro de remissiva e subdivisão]
150 ## $a Amateurs' manuals
260 ## $i subdivision $a Amateurs' manuals $i under subjects, e.g. $a Radio-Amateurs' manuals

 Exemplo de exibição de remissiva cruzada:
 Amateurs' manuals
 Pesquisar em: 
 subdivision Amateurs' manuals under subjects, e.g. Radio-Amateurs' manuals
360 – Remissiva "ver também" complexa – Assunto:

008/09 a
[registro de um cabeçalho estabelecido]
100 0# $a Mary,$cBlessed Virgin, Saint $x Apparitions and miracles
360 ## $i names of particular apparitions and miracles, e.g. $a Fatima, Our Lady of

Exemplo de exibição de remissiva cruzada:
Mary, Blessed Virgin, Saint-Apparitions and miracles
Pesquisar também em: 
names of particular apparitions and miracles, e.g. Fatima, Our Lady of 

$a – Texto explicativo

Qualquer frase de instrução de referência necessária nos campos 663, 664, 665 e 666.

663 – Remissiva “ver também” complexa – Nome:

008/09 a
[registro do cabeçalho estabelecido]
100 1# $a Japp, Alexander H. $q (Alexander Hay), $d 1839-1905
663 ##$a For works of this author written under pseudonyms, search also under $b Gray, E. Condor, 1839-1905 $a and $b Page, H. A., 1839-1905
 
Exemplo de exibição de remissiva cruzada:
Japp, Alexander H. (Alexander Hay), 1839-1905
For works of this author written under pseudonyms, search also under:  Gray, E. Condor, 1839-1905 and Page, H. A., 1839-1905
664 – Remissiva “ver” complexa – Nome:

008/09 c
[registro do cabeçalho estabelecido]
100 1# $a Reger, Max, $d 1873-1916. $t Dies irae
664 ##$a For this movement included in the composer's unfinished Requiem search under $b Reger, Max, 1873-1916. $t Requiem (Mass)

Exemplo de exibição de remissiva cruzada:
Reger, Max, 1873-1916. Dies irae
For this movement included in the composer's unfinished Requiem search under: Reger, Max, 1873-1916. Requiem (Mass)
666 – Remissiva explicativa geral – Nome:
 
008/09 b
[registro de remissiva não rastreado]
110 2# $a Aktiebolaget . . .
666 ## $a Corporate names beginning with this word are entered under the next word in the name.
 
Exemplo de exibição de remissiva cruzada:
Aktiebolaget . . .
Corporate names beginning with this word are entered under the next word in the name.
665 - Remissiva histórica (As referências cruzadas de outros nomes corporativos são construídas de forma semelhante):

008/09 a
[registro do cabeçalho estabelecido]
110 1# $a Connecticut. $b Dept. of Social Services 
665 ## $a In Jan. 1979 the Connecticut Dept. of Social Services split to form the Dept. of Human Resources and the Dept. of Income Maintenance. $a Works by these bodies are found under the following headings according to the name used at the time of publication: $a Connecticut. Dept. of Social Services. $a Connecticut. Dept. of Human Resources. $a Connecticut. Dept. of Income Maintenance. $a SUBJECT ENTRY: $a Works about these bodies are entered under one or more of the names resulting from the separation. Works limited in coverage to the pre-separation period are entered under the name of the original body.
 
Exemplo de exibição de remissiva cruzada:
Connecticut. Dept. of Social Services
In Jan. 1979 the Connecticut Dept. of Social Services split to form the Dept. of Human Resources and the Dept. of Income Maintenance. Works by these bodies are found under the following headings according to the name used at the time of publication:
Connecticut. Dept. of Social Services
Connecticut. Dept. of Human Resources
Connecticut. Dept. of Income Maintenance

SUBJECT ENTRY: Works about these bodies are entered under one or more of the names resulting from the separation. Works limited in coverage to the pre-separation period are entered under the name of the original body.

Convenções de entrada

Convenções gerais de entrada – As convenções gerais de entrada para os campos 4XX e 5XX são fornecidas nas seções de Informações gerais para cada tipo de cabeçalho (X00 – Nomes pessoais; X10 – Nomes de entidades coletivas; X11 – Nomes de eventos; X30 – Títulos uniformes; X48 – Termos cronológicos; X50 – Termos tópicos; X51 – Nomes geográficos; X55 – Termos de gênero/forma; X80 – Subdivisões gerais; X81 – Subdivisões geográficas; X82 – Subdivisões cronológicas; X85 – Subdivisões de forma). As convenções de entrada para os campos de nota de remissiva são fornecidas na descrição de cada campo.

Constante exibição para remissivas cruzadas – Nos campos 4XX e 5XX, as frases de instrução de remissivas, como as listadas abaixo, não são transportadas no registro MARC. Eles podem ser gerados pelo sistema como constantes de exibição associadas ao código no subcampo $w/0 ou /2 ou à tag de campo.

Subcampo $w/0 código relacionado:

  • a – pesquise também em [ver também] o último cabeçalho:
  • b – pesquise também sob [ver também] o cabeçalho anterior:
  • d – pesquise em [ver] a forma completa do cabeçalho:
  • g – pesquise também [ver também] o termo mais restrito:
  • h – pesquise também sob [ver também] o termo mais amplo:
  • n – [Uma frase de instrução de referência relacionada à tag pode ser usada.]
  • t – pesquise também em [ver também] o corpo pai:

Subcampo $w/2 relacionado ao código:

  • a – pesquise sob [ver] a forma posterior do cabeçalho:

Relacionado à etiqueta:

  • Ver
  • Ver também:
  • pesquisar em:
  • Pesquise também em:

Nos campos de nota de referência 260 e 360, a instrução de referência completa pode ser uma combinação de uma frase relacionada à tag, como ver, ver também, pesquisar em, pesquisar também em e texto explícito no subcampo $i (texto explicativo).


Histórico

  • $w/0 – Imprimir código constante [REDEFINIDO, 1997] [CAN/MARC apenas]
    • Os seguintes valores foram redefinidos: g (nome completo), h (nome real), i (nome real (supostamente)) 
    • Os seguintes valores tornaram-se obsoletos: j (nome original), k (nome na religião), l (nome secular), m (nome artístico de), o (nome variante), p (nome abreviado), q (nome oficial), r (termo mais geral), s (termo especializado), x (constante de impressão gerada a partir do valor do tag), z (texto carregado no subcampo $ i)
  • $w/0 – Relacionamento especial
    • r – Informação de relacionamento em $ i ou $ 4 [NOVO, 2009]
  • $w/1 – Restrição de uso de remissiva
    • h – Sem estruturas de remissiva [NOVO, 2007]
  • $w/2 – forma anterior de cabeçalho
    • x – A remissiva não é a forma de cabeçalho estabelecida nas regras de catalogação anteriores [OBSOLETO, 1997] [CAN / MARC apenas]
  • $w/3 – Exibição de remissiva
    • e – Nota gerada apenas a partir da remissiva [OBSOLETO, 1997] [CAN / MARC apenas]
    • i – Invisível, ver a partir da remissiva [OBSOLETO, 1997] [CAN / MARC apenas]
    • x – Referência é gerada a partir da remissiva [OBSOLETO, 1997] [CAN / MARC apenas]
  • $w/4 – Código de cabeçalho anteriormente estabelecido [OBSOLETO, 1997] [CAN / MARC apenas]
    • Os seguintes valores foram definidos: d (Cabeçalho anteriormente aceito substituído pelo cabeçalho no campo 1XX), s (Cabeçalho anteriormente aceito substituído por outros cabeçalhos, um dos quais está no campo 1XX), x (Não é um cabeçalho aceito anteriormente)
  • $i – Frase de instrução de referência [REDEFINIDO, 2009]
    • Informações de relacionamento renomeadas e ampliadas para incluir designações de relacionamento, além de frases de referência textuais.
  • $4 – Código de relacionamento [NOVO, 2009]
  • $4 – Código de relacionamento [RENOMEADO, 2017] [REESCRITO, 2017]
    • O subcampo $ 4 foi renomeado e reescrito para permitir o registro de URIs de relacionamento além dos códigos MARC e não MARC.

Histórico da tradução:

  • 2021-05-26 – Publicação da tradução